O que é um Logótipo, uma Logomarca e como é usado o termo logo?
June 30, 2017

O que é um Logótipo, uma Logomarca e como é usado o termo logo?

Afinal, o que é um logotipo?

Um logotipo, logótipo ou muitas vezes apelidado de logo, é um conjunto geralmente formado por pelo menos duas ou mais letras que se fundem num só “tipo”, conjunto esse que forma uma sigla. O logotipo serve para identificar ou representar uma entidade (empresa, instituição, marca de produto ou serviço).

Se por um lado no logotipo caracteriza-se por existir a presença de elementos tipográficos, na logomarca a imagem é composta apenas por elementos gráficos (figurativos ou não-figurativos). Existem ainda alguns símbolos que podem ser considerados como híbridos como, por exemplo, o símbolo da Mercedes, em que consta a imagem da famosa estrela, além do lettering da marca. A identidade da Mercedes, neste caso, é constituída pelo conjunto da estrela e das letras. No caso da Nike, temos apenas a utilização de elementos gráficos (famosa risca). No caso da Sony, temos a presença unicamente de elementos tipográficos (lettering Sony).

Para que serve um logotipo?

Um logotipo é considerado uma assinatura empresarial e/ou institucional, é a representação gráfica e estética de uma marca, identificando-a e tornando-a única. Nesse sentido, o logotipo está presente nos vários documentos e materiais gráficos da empresa. Tal como uma assinatura de uma pessoa, o logotipo segue uma lógica e um padrão visual que o torna reconhecido e diferenciador. Podemos considerar que a nossa assinatura pessoal é o nosso logotipo.
O uso de forma correta do logotipo, seguindo uma lógica visual coerente e consistente desenvolvida por um profissional da área, é uma ação que por si só reforça e optimiza a imagem de uma empresa, tornando-a única “aos olhos” do mercado.

No seu sentido mais lato, a terminologia logomarca é usada como um conjunto que é formado pela representação gráfica do nome de uma determinada marca, em lettering, fonte, tipo de letra com um traçado específico, fixo e característico/único (logotipo) e composto pelo seu símbolo visual (figurativo ou tipo emblema). Nesse sentido, deve ser entendido como a identidade e representação visual da marca.
O termo logomarca não é consensual. Há quem considere este neologismo um termo que não tem uma grande precisão, mas o seu significado é aceite pelos dicionários e dada a sua alargada utilização entre os designers profissionais da área e organizações, acaba por transcender os limites da reflexão académica.

Por outro lado, a palavra logos, que deriva do grego, significa conhecimento e é por si só também uma palavra. Embora a etimologia coloque como correlato mais apurado de logos, “logomarca” acaba por assumir o significado de “palavra-marca” o que, à luz de um estudo linguístico, pode não fazer sentido. Assim sendo, grande parte dos designers gráficos e profissionais da área usam o termo “logomarca” dado o seu suposto caráter mais abrangente.

Author
Paulo Taveira

CEO da Designarte